sexta-feira, 1 de maio de 2009

RESISTIR


Não me obedecem as mãos à voz do coração, hoje 1.º de Maio. Deixo uma outra voz “RESISTIR”, pelas mãos de Joaquim Pessoa.

Dobrar na boca o frio da espora
Calcar o passo sobre o lume
Abrir o pão a golpes de machado
Soltar pelo flanco os cavalos do espanto
Fazer do corpo um barco e navegar pedra
Regressar devagar ao corpo morno
Beber um outro vinho pisado por um astro

Possuir o fogo ruivo sob a própria casa
numa chama de flechas ao redor

125 POEMAS – Antologia Poética

MV

7 comentários:

Mari disse...

Oi Marta!
Pasei aqui pr ate desejar um ótimo feriado!
Ps: o Texto não é meu... quisera...
ele é a tradução da música que susan bailey cantou no programa de talentos que a revelou!
veja o vídeo, é fantástico!

poematar disse...

Gostei mais do teu. Falta-me ainda trabahar um voz do poema colectivo, mas para não deixar passar o dia, resolvi editá-lo em versão quase final. A reescrita dessa voz deve vir a caminho. Obrigado pelo eu incentivo, o qual tem sido fundamental para esta publicação. Um beijo.

MPereira disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
poematar disse...

É verdade, "working class hero" é do lennon; tem sido vertida por vráios autores. Outro beijo.

Sara L.Miranda disse...

Muito bonita esta mensagem.
Blogue interessante.
Beijinho

Anónimo disse...

saudds tuas, minha linda
manda-me teu tlm p mail pk já o perdi
dps actualizo-te das news
penso em ti e ja iniciei o livro :)
bjs grnds

anafragmentus

ARTISTA MALDITO disse...

Venho um bocadinho atrasada para o 1º de Maio, eu sei, mas para ler um poema nunca é tarde.

Gostei da voz do poema e da mestria das palavras.

Vou subir...